Bitcoin desvaloriza 5% em sábado de queda; Ethereum também cai

AWASIOR

Known
Messages
404
Reaction score
92
Points
28

Todo o mercado de criptomoedas caiu cerca de 10% nas últimas 24 horas​


1624797728137.png


O bitcoin caiu 5% na manhã deste sábado (26), batendo a mínima de US$ 30.194, de acordo com o site de métricas CoinGecko. O preço atual do BTC é de US$ 31.530, marcando uma queda de 5,1% nas últimas 24 horas. Nas corretoras brasileiras, a moeda é negociada a R$ 158 mil. Ethereum, a segunda maior criptomoeda do mercado, também teve um início desastroso no fim de semana. Caiu 8% e atingiu uma mínima de US$ 1.718, antes de voltar ao preço atual de US$ 1.785. No geral, isso significa uma queda de 4% nas últimas 24 horas e uma desvalorização de 20% na semana. Em reais, o ativo está valendo R$ 8.970. Outras criptomoedas acompanham o desempenho negativo das duas moedas principais que constituem a maior parte do mercado. Binance Coin (BNB) cai 4%, Cardano (ADA) 4,1%, Dogecoin (DOGE) 3,9% e Polkadot (DOT) 5,7%. Isso resulta uma queda de 10% na capitalização de mercado de todas as criptomoedas, estimado agora em US$ 1,2 trilhão.​

Por que as criptomoedas estão caindo?​

Os fins de semana tendem a ser mais voláteis, pois os investidores institucionais que ao longo da semana salvam o mercado do colapso e o moderam contra quedas ultrajantes, estão longe de suas mesas. Alguns analistas acham que o momento de baixa é resultado de um dos maiores vencimentos de contratos de opções de Bitcoin e Ethereum. Os US$ 3,8 bilhões em contratos de opções, assinados semanas atrás, oferecem aos compradores a opção de resgatar aquelas criptomoedas e despejá-las no mercado se assim o desejarem. “Acho que é plausível [que isso esteja causando volatilidade], já que é o maior vencimento de opções da história [para Ethereum]”, disse ontem ao Decrypt o CEO da CryptoQuant, Ki Young Ju. Então, para onde ir a seguir? A firma de investimento em criptomoedas de Singapura, QCP Capital, previu hoje que o BTC logo seria revertido para US$ 39.400, e que o ETH retornaria a máximas de US$ 2.550. Deribit, o mercado de futuros de bitcoin, está menos otimista, e os traders concordam que o BTC deve retornar a apenas US$ 33.220 no próximo ano.​
 

AWASIOR

Known
Messages
404
Reaction score
92
Points
28

Todo o mercado de criptomoedas caiu cerca de 10% nas últimas 24 horas​


View attachment 7603

O bitcoin caiu 5% na manhã deste sábado (26), batendo a mínima de US$ 30.194, de acordo com o site de métricas CoinGecko. O preço atual do BTC é de US$ 31.530, marcando uma queda de 5,1% nas últimas 24 horas. Nas corretoras brasileiras, a moeda é negociada a R$ 158 mil. Ethereum, a segunda maior criptomoeda do mercado, também teve um início desastroso no fim de semana. Caiu 8% e atingiu uma mínima de US$ 1.718, antes de voltar ao preço atual de US$ 1.785. No geral, isso significa uma queda de 4% nas últimas 24 horas e uma desvalorização de 20% na semana. Em reais, o ativo está valendo R$ 8.970. Outras criptomoedas acompanham o desempenho negativo das duas moedas principais que constituem a maior parte do mercado. Binance Coin (BNB) cai 4%, Cardano (ADA) 4,1%, Dogecoin (DOGE) 3,9% e Polkadot (DOT) 5,7%. Isso resulta uma queda de 10% na capitalização de mercado de todas as criptomoedas, estimado agora em US$ 1,2 trilhão.​

Por que as criptomoedas estão caindo?​

Os fins de semana tendem a ser mais voláteis, pois os investidores institucionais que ao longo da semana salvam o mercado do colapso e o moderam contra quedas ultrajantes, estão longe de suas mesas. Alguns analistas acham que o momento de baixa é resultado de um dos maiores vencimentos de contratos de opções de Bitcoin e Ethereum. Os US$ 3,8 bilhões em contratos de opções, assinados semanas atrás, oferecem aos compradores a opção de resgatar aquelas criptomoedas e despejá-las no mercado se assim o desejarem. “Acho que é plausível [que isso esteja causando volatilidade], já que é o maior vencimento de opções da história [para Ethereum]”, disse ontem ao Decrypt o CEO da CryptoQuant, Ki Young Ju. Então, para onde ir a seguir? A firma de investimento em criptomoedas de Singapura, QCP Capital, previu hoje que o BTC logo seria revertido para US$ 39.400, e que o ETH retornaria a máximas de US$ 2.550. Deribit, o mercado de futuros de bitcoin, está menos otimista, e os traders concordam que o BTC deve retornar a apenas US$ 33.220 no próximo ano.​
boa sorte e continue
 
Top